domingo, 24 de julho de 2011

Chegar e Partir



Um jovem partiu
O Povo perguntou:
"Porque é que morreu?"
Mas ninguém lembrou:
"E porque nasceu?"

A vida é assim
Quando corre bem
Quem já indagou
"De onde é que vim?"
Ou "p'ra onde é que vou"?

Eu que já fui filho
Agora sou pai
E serei avô
Gente vem e vai
E eu... também vou

Porque chora o Povo?
Partir é chegar
Chegar é partir
Chega-se a chorar
Parte-se a sorrir

Jeremias

Julho de 2011

(A propósito da desencarnação recente de jovens, um deles figura pública, em acidente de viação)

Sem comentários:

Enviar um comentário