segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Perseverança



No decurso do dia, quantas oportunidades perdidas, quantas portas estreitas trocadas pela facilidade da reacção primária. Acima de tudo, aceitai as vossas limitações. Se os desafios vos pesarem, é que há em vós a vontade de os superar, e o incómodo de quem entrou pela porta errada é já prenúncio do desafio ultrapassado. Culpa, jamais. Perseverança, sempre.

E sempre convosco,

Antero e Amigos


Outubro 2012

Sem comentários:

Enviar um comentário