domingo, 18 de dezembro de 2011

Da Riqueza


"Eu trabalho que me farto"
Gabava-se o Simeão
“Mas nem um tostão reparto”
Isso não disse ele, não…

Pertence-nos o que temos
Se foi ganho honestamente
Mas amiúde esquecemos
AquEle a quem o devemos

Muitos há que mais trabalham
Meu amigo, tu não vês?
E nem numa vida ganham
O que tu ganhas num mês

Se Deus te deu abundância
Dá tu também, Simeão
Não sejas rico em ganância
Reparte com teu irmão

Dezembro de 2011

Sem comentários:

Enviar um comentário